Prémio APREN

Ricardo Prata (Doutoramento) e Gabriel Maciel (Mestrado), ambos alunos do Instituto Superior Técnico, são os grandes vencedores do Prémio APREN 2018!

 

Ricardo Prata foi distinguido graças à sua tese intitulada "Regulatory Framework Design and Market Response Interactions under Growing Solar and Wind Generation Deployment in the Portuguese Electrical Energy System". Quanto a Gabriel Maciel, garantiu o Prémio através da tese "Desenvolvimento e Projeto Mecânico de uma Fundação para uma Turbina Eólica Offshore".

 

Destaque também para os segundos lugares atribuídos a Francesca Poggi (Doutoramento) da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, pela tese "SMART RURAL: Eficiência energética e Energias Renováveis no Espaço Rural", e a Filipe Fernandes (Mestrado) do Instituto Superior Técnico, pela tese "Despacho de uma Central Hídrica Reversível no Mercado Diário e no Mercado de Banda Secundária".

 

Foram ainda atribuídas menções honrosas a Sara Freitas (Doutoramento) da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa, pela tese "Photovoltaic potential in building façades", a Filipe Francisco (Mestrado) da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto, pela tese "Synthesis of three-dimensional hematite photoelectrodes for photoelectrochemical cells" e a João Marques (Mestrado) da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto, pela tese "Power Distribution Planning Under Distributed Generation Uncertainty".

 

Parabéns a todos!

 

Para consultar o póster/resumo da tese de Ricardo Prata, clique aqui.

Para consultar o póster/resumo da tese de Gabriel Maciel, clique aqui

 

O Prémio APREN

 

A APREN, com o apoio da EDPEDP Produção e EDP Renováveis, promoveu em 2018 a 4.ª edição do Prémio APREN, uma iniciativa que visa divulgar dissertações académicas realizadas em instituições portuguesas de Ensino Superior, relacionadas com a eletricidade de origem renovável.

 

Pretendeu-se assim criar um veículo de comunicação que difunda, de uma forma dinâmica e continuada, os trabalhos de investigação e de desenvolvimento tecnológico no seio dos stakeholders do setor, gerando uma rede de interação que promova a inovação e a criação de valor.

 

O Prémio APREN, este ano dedicado a teses de mestrado e de doutoramento, compreendeu uma exposição de vinte e cinco trabalhos selecionados por um júri em formato de póster, que decorreu paralelamente à Conferência anual da APREN, realizada a 9 de outubro, na Fundação Oriente.

 

Pela primeira vez na história do Prémio, foram também dados prémios monetários às segundas melhores teses de mestrado e doutoramento, além de entradas para todos os eventos que a APREN organizar em 2019.

Outras Edições